PROVA DE HABILITAÇÃO EM ULTRASSONOGRAFIA


EDITAL DE CONVOCAÇÃO 2021 – HABILITAÇÃO EM ULTRASSONOGRAFIA MUSCULOESQUELÉTICA

A Sociedade Brasileira de Ultrassonografia – SBUS – comunica os médicos interessados que realizará no dia 19 de Dezembro de 2021 a prova destinada à obtenção de Habilitação em Ultrassonografia Musculoesquelética reconhecida pela Federação Internacional de Ultrassonografia da América Latina – FISUSAL, devendo, para tanto, observar fielmente as seguintes normativas:

1 – DA INSCRIÇÃO:

  1. 1.1 – A inscrição deverá ser realizada exclusivamente pelo sítio eletrônico: www.sbus.org.br (vide calendário, item 2), momento em que o candidato deve optar por uma das Habilitações. Não será possível optar por mais de uma prova de Habilitação.
  2. 1.2 – No ato da inscrição deverão ser anexados documentos originais digitalizados, sendo que
    a declaração deve ser em papel timbrado e assinaturas com firma reconhecida em cartório. Os
    documentos são os seguintes:

    • Cédula de identidade do Conselho Regional de Medicina do Estado em que atua ou carteira profissional de médico;
    • Declaração ou Certificado de Conclusão de:
      • Residência Médica ou Curso de Aperfeiçoamento em Radiologia e Diagnóstico por Imagem (com tempo igual ou superior a 3 anos) em Serviços credenciados pela Comissão Nacional de Residência Médica/MEC ou pelo Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem (CBR) OU
      • Curso de Aperfeiçoamento em Ultrassonografia Geral (com tempo igual ou superior a 2 anos) em Serviço reconhecido pela SBUS e/ou CBR OU
      • Declaração de Treinamento na área de Ultrassonografia Geral (com tempo igual ou
        superior a 2 anos) assinada por dois Membros da SBUS e/ou do CBR OU
      • Declaração de Treinamento na área de Ultrassonografia Musculoesquelética (com tempo igual ou superior a 2 anos) assinada por dois Membros da SBUS e/ou do CBR.
  3. 1.3 – No ato da inscrição o candidato deverá enviar uma foto com resolução mínima de
    640×480, tamanho menor que 3 MB, fundo preferencialmente branco ou claro e atualizada, ou
    seja, no máximo de dois (2) anos atrás.
  4. 1.4 – O candidato deverá gerar boleto referente à taxa de inscrição no sitio eletrônico mantido
    pela SBUS na rede mundial de computadores e efetuar o pagamento.
  5. 1.5 – O valor da taxa de inscrição para associados adimplentes da SBUS será de R$ 1.000,00 e
    para não associados e/ou associadosinadimplentes da SBUS, R$ 1.200,00. O sistema informatizado
    de banco de dados da SBUS identificará automaticamente a adimplência dos associados.
  6. 1.6 O candidato será qualquer médico, ainda que não associado à SBUS.
    1.7 A inscrição será efetuada mediante a identificação do pagamento e o deferimento dos
    documentos do item 1.2.
    1.8 Serão indeferidas asinscrições que não estejam de acordo com ositens acima.
    1.9 Em caso de indeferimento da inscrição pela SBUS, o candidato será ressarcido em 50% do
    valor pago; não havendo a possibilidade de solicitar ou transferir o valor referente à inscrição por
    outras razões. O pedido de restituição deste valor teráprazo máximo de até 30 (trinta) dias após a
    divulgação do indeferimento.
    1.10 Após a inscrição o candidato não poderá alegar desconhecimento das regras constantes
    deste edital.
    1.11 A SBUS se reserva o direito de cancelar a inscrição do candidato que apresentar dados
    incorretos, inverídicos, omissos, mesmo que esta constatação ocorra posteriormente.
    1.12 A possibilidade de inscrição condicional sujeita a análise, por razões diversas, ficará à
    critério da Diretoria da SBUS.
    1.13 Os candidatos aprovados deverão enviar, via correspondência pelo correio, as cópias
    autenticadas originais dos mesmos documentos utilizados no ato da inscrição, à Sociedade
    Brasileira de Ultrassonografia, da seguinte forma:
  7. À Sociedade Brasileira de Ultrassonografia – SBUS
    A/C Comissão de Provas
    Habilitação em Ultrassonografia Musculoesquelética
    Rua Teodoro Sampaio, 352 conjunto 53/54
    Pinheiros – São Paulo – SP
    CEP.: 05406-900
  8. 1.14 Os documentos referidos no item 1.2 não serão devolvidos e não serão reutilizados para
    outros eventos futuros, pois permanecerão arquivados na SBUS.
    1.15 A necessidade de condições especiais para a realização da prova deverá ser declarada no
    momento da inscrição, explicitando tal necessidade somente via sítio eletrônico da SBUS.
    1.16 A candidata que necessitar amamentar no período destinado à prova deverá dispor de
    acompanhante para prestar todo tipo de cuidados a criança. O acompanhante será responsável
    pelos cuidados com a criança e permanecerá em sala reservada e a candidata fará jus a
    compensação deste tempo de prova.
    1.17 Mediante a inscrição o candidato reconhece os termos, condições e normativas e aceita
    este Edital, bem como declara ciência de que a habilitação concedida pela SBUS não se trata de
    prova de título de especialista.

2 – DO CALENDÁRIO:

DATA ATIVIDADE HORÁRIO FORMA / LOCAL
até 10/11/2021 Período de inscrição até às 23h59m Site SBUS
até 22/11/2021 Divulgação de aptos até às 23h59m Site SBUS
19/12/2021 Aplicação das provas 14h às 17h Online
22/12/2021 Divulgação do gabarito até às 23h59m Site SBUS
23/12/2021 Recursos 9h às 19h e-mail: provasadm@sbus.org.br
20/01/2022 Divulgação do resultado dos recursos e gabarito final até às 23h59m Site SBUS
21/01/2022 Relação de aprovados até às 23h59m Site SBUS
22/01/2022 Declaração de aprovação até às 23h59m Site SBUS
20/04/2022 Prazo para envio da documentação original (data da postagem) Correios à SBUS
20/06/2022 Prazo para envio do Certificado pela SBUS (data da postagem) Correios ao candidato

3 – DAS ORIENTAÇÕES GERAIS:

  1. 3.1 – A Diretoria da SBUS e suas associações federadas indicarão os responsáveis pela aplicação, fiscalização e supervisão da prova.
  2. 3.2 – A Comissão de Provas da SBUS será responsável pela elaboração das questões e conferência das respostas apresentadas pelos candidatos.
  3. 3.3 – A data e horário da execução da prova seguirá o calendário deste edital, impreterivelmente (item 2).
  4. 3.4 – As convocações obedecerão ao horário oficial de Brasília, Brasil.
  5. 3.5 – Os candidatos deverão portar, no dia da prova, Cédula Oficial de Identidade (com foto e validade).

4 – DA PROVA:

  1. 4.1 – As Provas Teórica e Prática serão realizadas exclusivamente on-line, por meio de browser seguro, instalado no computador pessoal do candidato, em modo e momento oportunos. Para sua realização é necessário que o candidato possua computador desktop ou laptop com sistema operacional Windows 8.1 ou superior / MacOs Mojave 10.14.6 ou superior, com acesso à internet e dotado de webcam e microfone.
  2. 4.2 – A prova será realizada em única etapa e único dia, online, de forma virtual, monitorada por fiscal via vídeo em tempo real, dia 19 de Dezembro de 2021, das 14h às 17h , e consistirá de:
    4.2.1 – Avaliação Teórica, constando de 40 (quarenta) questões objetivas de múltipla escolha, com cinco opções (A, B, C, D e E) e única resposta correta, de acordo com o comando da questão.
    4.2.2 – Avaliação Teórico-prática, constando de 20 (vinte) questões objetivas, com imagens, de múltipla escolha, com cinco opções (A, B, C, D e E) e única resposta correta, de acordo com o comando da questão. O candidato deve conferir seus dados pessoais registrados nos instrumentos de aplicação da Prova. Não conformidades devem ser imediatamente relatadas ao fiscal de sala.
  3. 4.3 – As avaliações destinadas à obtenção da Habilitação em Ultrassonografia Musculoesquelética versarão sobre Ultrassonografia do Sistema Musculoesquelético.
  4. 4.4 – Serão entregues ou enviados os cadernos de questões para o candidato através do e- mail referido na inscrição.
  5. 4.5 – A duração da prova será de 3 (três) horas.

5 – DOS EQUIPAMENTOS NECESSÁRIOS PARA EXECUÇÃO DA PROVA

  1. 5.1 – Para a realização da prova on-line será necessário que o candidato disponha de computador (desktop ou notebook), do qual seja administrador em função da necessidade de instalação de navegador seguro, com câmera e microfone em pleno funcionamento, que atenda aos seguintes requisitos mínimos:
  2. • Sistema Operacional: Windows 8.1 ou superior e MacOs Mojave 10.14.6 ou superior. (ATENÇÃO: Equipamentos com sistema operacional Linux ou Chromebook, por incompatibilidade técnica com o sistema, não serão permitidos.);
    • Processador Core i3 ou superior;
    • Memória RAM 4GB ou superior;
    • Câmera frontal de 0.9 Mega Pixel ou superior;
    • Microfone;
    • Amplificador ou caixa de som integrada ou externa;
    • Fonte de energia com capacidade para 5 horas de preferência conectado à rede elétrica;
    • Espaço de armazenamento mínimo em disco de 500MB;
    • Internet com Velocidade mínima de 10 (dez) Mbps (megabits por segundo), tanto para download quanto para upload, facultado ao candidato, se desejar, providenciar rede reserva de internet com as mesmas condições.
  3. 5.2 – A prova deverá ser realizada em computador (IP) localizado em território nacional.
  4. 5.3 – Não será permitida a realização de prova em equipamentos móveis de qualquer tipo, como celulares, smartphones, tablets , e utilização de fone de ouvido, calculadora, protetores auriculares, relógio de pulso ou qualquer outro.
  5. 5.4 – Não será permitida a utilização da câmera de aparelhos celulares, smartphones ou tablets como webcam.
  6. 5.5 – A SBUS não se responsabiliza por quaisquer motivos de ordem técnica dos aparelhos eletrônicos, falhas de comunicação, congestionamento das linhas de comunicação, procedimento indevido do participante e / ou outros fatores que impossibilitem a transferência de dados, como quedas e instabilidade de conexão com internet. É de responsabilidade exclusiva do participante garantir os requisitos técnicos e de internet durante a realização da prova.
  7. 5.6 – A prova on-line ocorrerá com monitoramento remoto, e cada candidato será acompanhado ao vivo pelo fiscal, por meio de vídeo (câmera) e áudio (microfone). A imagem do candidato, durante a prova on-line, será gravada em áudio e vídeo durante toda a prova, e será realizado o registro de todas as ações na plataforma, de sorte que o participante está ciente de que, a partir da efetivação da inscrição, considerar-se-á autorizada a captação de imagens do participante.
  8. 5.7 – A câmera filmará o candidato durante toda a realização da prova e fará capturas de imagem para o banco de imagem de avaliação e reconhecimento facial.
  9. 5.8 – O microfone fará gravação do áudio captado durante a realização da prova e será utilizado para o monitoramento e avaliação do candidato.
  10. 5.9 – Durante o período de realização da prova on-line, o navegador utilizado também desabilitará a utilização de outras funções e softwares no computador do candidato, não permitindo a consulta à internet ou acesso a softwares ou aplicativos. Ao candidato fica proibido manter seu computador conectado a mais de um monitor, ou conectado a um projetor.
  11. 5.10 – A webcam do computador do candidato deve ser ajustada de forma que seu rosto esteja plenamente visível para o fiscal durante todo o teste, podendo o fiscal solicitar durante a realização do exame que o candidato ajuste o posicionamento da câmera. A câmera e o microfone devem estar descobertos e captando claramente imagem do candidato e som ambiente durante a realização da prova.
  12. 5.11 – Softwares como antivírus e firewall, que impeçam o acesso exclusivo do navegador seguro ao computador deverão ser desativados no período de realização da prova, a fim de evitar problemas de compatibilidade entre o navegador seguro e o software do equipamento do candidato.
  13. 5.12 – Todas as gravações realizadas durante o processo seletivo ficarão armazenadas pelo período de 4 (quatro) anos em servidor seguro externo, que já atende completamente as exigências legais da LGPD – Lei Geral de Proteção de Dados, preservando todos os dados de qualquer candidato. O uso desses arquivos é de uso exclusivo da SBUS, de sorte que o participante está ciente de que, a partir da efetivação da inscrição, considerar-se-á autorizada a manutenção dos dados do participante.
    5.12.1 – Ao autorizar a captura de sua imagem e áudio durante a realização da prova o candidato concorda que manterá a SBUS isenta de quaisquer reclamações judiciais ou extrajudiciais.
    5.12.2 – Essas imagens serão armazenadas em espaço virtual próprio e utilizadas pela equipe da SBUS para fins de reconhecimento facial no período de avaliação e para monitoramento dos candidatos durante a realização das provas, podendo ser utilizadas também para auditoria do certame, momento no qual, se constatada alguma das irregularidades descritas neste edital, o candidato será desclassificado.
  14. 5.13 – Caso ocorra uma falha de energia ou de conexão com a internet, a prova entrará em modo de gravação automática, sendo permitido ao candidato retomar sua prova, a partir da questão seguinte àquela em que parou quando houve a interrupção (sem acréscimo ao tempo total de prova). À questão em que não houver marcação de nenhuma alternativa será atribuída nota zero. Se for constatado que o candidato, deliberadamente, interrompeu a captura de áudio e/ou vídeo e/ou internet, a prova será finalizada automaticamente e o candidato eliminado.
  15. 5.14 – Durante a aplicação do Exame, a Comissão Organizadora da SBUS, com auxílio da equipe técnica responsável pela aplicação do Exame, terá a competência e discricionariedade para analisar situações excepcionais dos candidatos, como queda de energia, interrupção de equipamento ou outras situações de força maior para, se entender cabível autorizar a extensão, de forma razoável e proporcional, do tempo de realização de prova do candidato afetado.
  16. 5.15 – É responsabilidade do candidato providenciar as condições técnicas para a execução da prova, e será eliminado deste exame o candidato que descumprir as regras relacionadas às obrigatoriedades de uso de equipamento e ao uso de equipamento proibido

6 – DA REALIZAÇÃO DO PRÉ-TESTE

  1. 6.1 – Até 23 de Novembro de 2021 os candidatos considerados habilitados receberão, no endereço eletrônico (e-mail) que cadastraram na ficha de inscrição, o manual do candidato com as instruções de instalação do dispositivo para realização da prova e senha de identificação.
  2. 6.2 – Os candidatos que não receberem confirmação da habilitação até a data disposta no item 6.1 deverão entrar em contato com a SBUS a partir do dia imediatamente seguinte e em até 48 (quarenta e oito) horas, pelos meios de contato disponíveis a fim de confirmar sua situação.
  3. 6.3 – O candidato, pessoalmente, fica obrigado a participar de, ao menos, um pré-teste com o dispositivo de segurança previamente instalado, sob pena de não ser autorizada sua participação nas Provas.
  4. 6.4 – Ao candidato cabe a responsabilidade de instalação do dispositivo de segurança, participação nos pré-testes e o atendimento aos requisitos mínimos de software e hardware previstos em Edital, no dia da prova.
  5. 6.5 – O pré-teste é o momento em que o candidato irá se familiarizar com o ambiente do exame e interagir com o fiscal humano.
  6. 6.6 – Independentemente da participação satisfatória do candidato no pré-teste, esse deverá assegurar que, no dia do exame, seja garantida a infraestrutura tecnológica do equipamento e conexão de internet, obedecendo-se aos requisitos mínimos previstos do Edital, em especial o especificado no item 5.1.
  7. 6.7 – O dispositivo eletrônico utilizado e configurado, o ambiente e a infraestrutura para o pré-teste devem ser os mesmos que serão utilizados na prova, sob pena de exclusão do certame.
  8. 6.8 – As datas e horários dos pré-testes estarão disponíveis no manual do candidato e também serão divulgadas pela empresa Educat Tecnologia, no Instagram @educatbh, devendo o candidato se inscrever pelo link https://agendamento.educat.net.br/
  9. 6.9 – Os pré-testes ocorrerão apenas nos dias e horários pré-determinados no manual do candidato, até o dia 15 de dezembro de 2021.

7 DA APLICAÇÃO DAS PROVAS

  1. 7.1 – Os candidatos deverão se conectar à plataforma de provas on-line com antecedência de
    uma hora e trinta minutos do horário previsto para a aplicação da prova.
    7.1.1 – É obrigatória a conexão com antecedência mínima de pelo menos uma hora e trinta minutos do horário previsto para o início das Provas, devendo o candidato manter a plataforma logada até o início da aplicação. Não é necessário que o candidato permaneça em frente à câmera durante esse período, mas é necessário que a plataforma permaneça logada. Os candidatos deverão estar posicionados em frente à câmera impreterivelmente até às 14 horas (Horário de Brasília), sendo desclassificado o candidato que se posicionar posteriormente.
  2. 7.2 – O login de acesso à prova enviado ao candidato é intransferível e restrito ao candidato que a realizará, sendo vedada a utilização dos serviços em conta compartilhada.
  3. 7.3 – A conexão simultânea de dois ou mais candidatos com o mesmo login sujeitará aos infratores o bloqueio dos acessos e impedimento de acesso à prova, com desclassificação dos candidatos.
  4. 7.4 – Não é permitida a realização do Exame no mesmo endereço por mais de um candidato, portanto, é de responsabilidade do candidato a escolha de ambiente físico que propicie a sua participação sem interferência de terceiros e/ou outros candidatos inscritos no Exame. O sistema é programado para identificar qualquer tipo de fraude, que, se apurada e confirmada, ainda que posterior à finalização do Exame, levará à desclassificação dos candidatos envolvidos.
  5. 7.5 – Considerando que durante a realização das provas é vedada a permanência de terceiros no mesmo local que o candidato, só será permitida a sua realização sem o uso de máscaras de proteção facial, de forma a possibilitar o reconhecimento facial.
  6. 7.6 – A confirmação de presença será feita por meio do acesso à plataforma de provas on-line mediante verificação da identificação do candidato.
    7.6.1 – A identificação será atestada por qualquer dos seguintes documentos, com foto: carteira de identidade; carteira de trabalho; carteira profissional; passaporte; carteira de identificação funcional.
    7.6.2 – Não serão aceitos como documentos de identidade: Certidão de Nascimento, Título de Eleitor, modelo antigo da Carteira Nacional de Habilitação, Carteira de Estudante, Carteira de Trabalho e Previdência Social sem foto, Certificado de Dispensa do Serviço Militar, carteira funcional sem valor de identidade ou documentos ilegíveis, não identificáveis e/ou danificados e também não será aceita cópia de documento de identidade, ainda que autenticada.
  7. 7.7 – Não haverá, sob pretexto algum, segunda chamada das provas acima descritas nem será justificada falta, sendo considerado eliminado do Exame, o candidato que faltar às provas, não cumprir os horários estabelecidos ou se ausentar sem autorização expressa.
  8. 7.8 – Nenhum candidato fará a prova fora do dia e horário fixados.
  9. 7.9 – Será eliminado deste Exame o candidato que se apresentar após o início das provas. Não será permitido ao candidato prestar provas fora da data ou do horário estabelecidos.
  10. 7.10 – Não será admitido o ingresso de candidatos no ambiente de prova online após o horário fixado para seu início.
  11. 7.11 – Período de sigilo – O candidato deve permanecer no ambiente de realização das provas por 1 (uma) hora e 30 (trinta) minutos do início das provas, não podendo encerrar seu teste antes desse tempo, sendo obrigatória sua presença no local e a observancia irrestrita das normas deste edital.
    7.11.1 – Não poderá o candidato encerrar a sessão na plataforma de provas mesmo que tenha concluído o exame antes do tempo mínimo, não podendo se ausentar da visão da webcam antes do encerramento deste prazo de sigilo.
  12. 7.12 – Após iniciado o Exame, o candidato somente poderá deixar o campo de visão da webcam de seu computador mediante autorização prévia do fiscal e após encerrar a questão em andamento.
  13. 7.13 – O local / ambiente onde o candidato esteja acomodado para prestar o Exame deve ser como uma sala de provas durante todo o momento da duração do teste, não devendo ninguém falar com o candidato, nem dele estar próximo e / ou emitir ruídos.
  14. 7.14 – Ao candidato é permitido tomar água e comer alimentos adequados a fim de evitar deslocamentos. Somente serão permitidos recipientes de armazenamento de comidas e bebidas fabricadas com material transparente e sem rótulos que impeçam a visualização de seu conteúdo.
  15. 7.15 – Em caso de necessidades fisiológicas / biológicas, o candidato deverá solicitar ao aplicador de provas, por meio da plataforma, que sua prova seja interrompida, devendo deixar o ambiente monitorado apenas quando autorizado pelo fiscal e quando encerrar a questão em análise.
  16. 7.16 – O intervalo entre as interrupções para necessidades fisiológicas / biológicas deverá obedecer às regras estabelecidas no começo do exame. O tempo total de prova não será alterado, ou seja, o tempo utilizado para as necessidades fisiológicas / biológicas não será reposto.
  17. 7.17 – Caso algum comportamento considerado suspeito ou irregular seja identificado pelo fiscal caberá ao mesmo alertar, pausar e finalizar a prova do candidato. Essas eventuais intervenções contemplam o tempo total de prova.
  18. 7.18 – Durante o período de realização da prova, somente será permitida a comunicação escrita entre o candidato e o fiscal por meio do chat disponível na plataforma. Qualquer outro tipo de comunicação será considerado transgressão às normas do edital, sendo o candidato desligado do concurso. Os casos excepcionais e suas autorizações constam do conteúdo deste edital, assim como não será permitido o uso de livros, códigos, manuais, impressos, ou quaisquer outros meios, sendo vetada a continuidade da prestação das provas em caso de descumprimento.
  19. 7.19 – Durante o período de realização das provas, não será permitido o uso de óculos escuros, boné, máscaras faciais, chapéu, gorro, lenço ou similares.
  20. 7.20 – Quando, após as provas, for constatado, por meio eletrônico, estatístico, visual ou grafológico ou por investigação policial, ter o candidato utilizado meios ilícitos, sua prova será anulada e ele será automaticamente eliminado deste Exame.
  21. 7.21 – Todo e qualquer acontecimento ocorrido durante a realização da prova será registrado pelo fiscal na ata da sala.
  22. 7.22 – As decisões sobre eventual eliminação da prova, em razão de conduta do candidato em desacordo com o edital, poderão ser adotadas no curso da realização da prova, ou posteriormente, a partir do exame das gravações.

8 DA PROVA

  • 8.1 – Todas as questões serão exibidas de forma aleatória aos candidatos, não havendo sequenciamento de temáticas.
  • 8.2 – Não será possível que o candidato opte pela ordem das questões, devendo seguir a predefinição do sistema.
  • 8.3 – Não é possível o retorno a questões anteriores.
  • 8.4 – Não será possível que o candidato transite livremente pelas questões da prova, ou seja, não será possível deixar uma questão em branco e depois retornar para respondê-la.
  • 8.5 – Cada questão deve ser respondida e salva para acesso à próxima questão da prova.
  • 8.6 – O tempo total de prova será indicado em cronômetro localizado no ambiente de realização. Caso alguma questão não seja respondida dentro do prazo estabelicido, será a ela atribuída nota zero e a prova encerrada automaticamente.
  • 8.7 – A questão que for “salva” pelo candidato será considerada concluída.
  • 8.8 – As questões não respondidas pelos candidatos receberão nota zero.
  • 8.9 – Em hipótese alguma haverá possibilidade de revisão da resposta salva por erro do candidato.
  • 8.10 – O candidato é responsável pela conferência de seus dados pessoais registrados nos instrumentos de aplicação da Prova, em especial seu nome e a prova a que será submetido.
  • 8.11 – As respostas às questões serão apresentadas de forma digital pelo sistema da prova, não sendo utilizados meios físicos para a apresentação de resultados às questões constantes da prova.
  • 9 DOS CRITÉRIOS DE ELIMINAÇÃO

  • 9.1 – O candidato que desrespeitar qualquer item desse edital terá as suas provas anuladas e será eliminado do Exame. Também será eliminado se:
    i. Apresentar-se após o início das provas;
    ii. Fizer uso ou portar, mesmo que desligados, qualquer outro dispositivo eletrônico além do computador em que se está prestando o teste; quais sejam: telefone, telefone celular, fone de ouvido, relógios digitais, pagers, beep, agenda eletrônica, calculadora, walkman, notebook, palmtop, gravador, transmissor / receptor de mensagens de qualquer tipo ou qualquer outro equipamento eletrônico;
    iii. Realizar a prova em espaço físico compartilhado com outro candidato;
    iv. Deixar de atender às normas contidas na Prova e às demais orientações expedidas pela SBUS;
    v. Ausentar-se do ambiente de provas sem autorização do fiscal, ou antes, de decorrido o período fixado para a sua saída;
    vi. Se for constatado que o candidato, deliberadamente, interrompeu a captura de áudio e/ou vídeo e/ou internet;
    vii. Durante o período das provas, for surpreendido em comunicação com outro candidato ou terceiros, verbalmente, por escrito, ou por qualquer outra forma;
    viii. Lançar mão de meios ilícitos para executar as provas;
    ix. Desrespeitar qualquer membro da equipe de aplicação da prova, as autoridades presentes e/ou os candidatos, ou perturbar, de qualquer modo, a ordem dos trabalhos;
    x. Fizer anotação de informações relativas às perguntas e respostas em quaisquer outros meios, que não os permitidos;
    xi. For constatado após as provas, por meio eletrônico, estatístico, visual ou grafológico, ter o candidato utilizado de processos ilícitos na realização das mesmas.
  • 9.2 – Todo e qualquer acontecimento ocorrido durante a realização da prova será registrado pelo fiscal na ata da sala. Caso o candidato tenha a prova suspensa por qualquer ato considerado suspeito ou irregular, estará automanticamente eliminado.
  • 10 DOS CRITÉRIOS DE APROVAÇÃO E CERTIFICAÇÃO

  • 10.1 – Mínimo de 60% de respostas corretas em cada uma das avaliações (itens 4.1.1 e 4.1.2) separadamente, ou seja, 24 questões corretas na avaliação teórica e 12 questões corretas na avaliação teórico-prática.
  • 10.2 – A anulação de questões resultará em integração de pontuação referentes a estas questões à nota final da avaliação.
  • 10.3 – A lista dos aprovados será divulgada, através do sítio eletrônico da SBUS, seguindo o cronograma do item 2 deste edital.
  • 10.4 – O candidato aprovado deverá enviar via correspondência (correios) à sede da SBUS cópia autenticada em cartório de toda a documentação, conforme expresso no item 1.2.
  • 10.5 – A SBUS disponibilizará, através de seu sítio eletrônico, a declaração de aprovação constando Habilitação em Ultrassonografia Musculoesquelética, seguindo o cronograma do item 2 deste edital. Não serão disponibilizadas declarações antes do prazo (vide cronograma).
  • 10.6 – A Habilitação em Ultrassonografia Musculoesquelética será concedida pela Sociedade Brasileira de Ultrassonografia – SBUS e reconhecida pela Federação Internacional de Ultrassonografia da América Latina – FISUSAL, assinada pelo Presidente e Secretário da SBUS.
  • 10.7 – Esta certificação é válida em território brasileiro e em territórios estrangeiros a depender da legislação do país em questão. A SBUS e a FISUSAL não se comprometem com a validação desta certificação em outros países.
  • 10.8 – Os candidatos não aprovados poderão prestar prova em próximas edições. Não serão aproveitados, em futuras edições, documentos e notas.
  • 11 DO RECURSO

  • 11.1 – O recurso cabível, com relação ao gabarito, deverá ser encaminhado, seguindo o cronograma do item 2 deste edital, única e exclusivamente pela plataforma online de provas , dirigido à Comissão de Provas da SBUS, acompanhado de todos os documentos e fundamentações que o candidato considere úteis à apreciação do recurso, que será decidido pela Comissão supracitada.
  • 11.2 – O candidato deverá selecionar a questão referente ao recurso, fundamentar no espaço pré-determinado pelo sistema e em seguida salvar.
  • 11.3 – Recurso interposto fora das condições acima estipuladas não será conhecido e estará automaticamente indeferido.
  • 11.4 – O recurso deve ser feito necessariamente por meio do formulário eletrônico. Cada recurso contemplará uma única questão da prova. Deve incluir as justificativas e, necessariamente, basear-se na bibliografia constante no edital.
  • 11.5 – O resultado será divulgado no sítio eletrônico da SBUS, seguindo o cronograma do item 2 deste edital.
  • 11.6 – As justificativas deverão basear-se em no mínimo 02 (duas) referências da bibliografia recomendada (vide item 8), posto que a resposta correta será fundamentada unicamente no material bibliográfico recomendado.
  • 11.7 – Questões anuladas atribuirão pontos a todos os candidatos que realizaram a prova.
  • 12 DAS DISPOSIÇÕES FINAIS

  • 12.1 – O candidato será eliminado caso seja constatado dados inverídicos, ausência ou irregularidade de documentação, mesmo que posteriormente à prova.
  • 12.2 – A SBUS não se responsabilizará por prejuízos e danos morais ou materiais consequentes de eliminações previstas no item 7.1.
  • 12.3 – Prejuízos decorrentes de endereço não atualizado ou de difícil acesso, correspondência recebida por terceiros, endereço eletrônico bloqueado por firewalls ou Anti-spam, não serão assumidos pela SBUS, ficando em plena responsabilidade dos candidatos.
  • 12.4 – Os candidatos serão responsáveis pelas despesas relacionadas à participação neste certame
  • 12.5 – A SBUS publicará em seu sítio eletrônico eventuais alterações deste Edital até a data da prova, sendo que o candidato é responsável por acompanhar tais comunicados e cumprir as aludidas alterações.
  • 12.6 – A SBUS se reserva o direito de transmitir informações a respeito do exame através de seu sítio eletrônico (www.sbus.org.br ).
  • 12.7 – Os casos omissos neste edital serão decididos pela Diretoria da SBUS juntamente com a Comissão de Provas da SBUS.
  • 12.8 – O contato para eventuais dúvidas pode ser realizado pelo E-mail: provasadm@sbus.org.br .
  • 12.9 – Todas as lides eventualmente surgidas e que versarem sobre o presente edital e respectivo certame serão apreciadas e julgadas no Foro Central da Comarca de São Paulo, Capital do Estado de São Paulo, Brasil.
  • 13 BIBLIOGRAFIA RECOMENDADA, mas não exauriente

    • AREND, C. F. MASTER Ultrassonografia musculoesquelética. 2ª ed. Revinter, 2012.
      GOMES, Monres José. Atlas comentado de ultra-sonografia musculoesquelética. 2a
      . ed. Revinter,
      2011.
      SERNIK, Renato A.; CERRI, Giovanni G. Ultrassonografia do Sistema Musculoesquelético:
      Correlação com Ressonância Magnética. 1a
      . ed. Revinter, 2009

    São Paulo, 27 de Setembro de 2021.
    Dr. Rui Gilberto Ferreira
    Presidente da SBUS

    EDITAL DE CONVOCAÇÃO 2021 – HABILITAÇÃO EM GINECOLÓGICA E OBSTÉTRICA

    A Sociedade Brasileira de Ultrassonografia – SBUS – comunica os médicos interessados que realizará no dia 19 de Dezembro de 2021 a prova destinada à obtenção de Habilitação em Ultrassonografia Ginecológica e Obstétrica reconhecida pela Federação Internacional de Ultrassonografia da América Latina – FISUSAL, devendo, para tanto, observar fielmente as seguintes normativas:

    1 – DA INSCRIÇÃO:

    1. 1.1 – A inscrição deverá ser realizada exclusivamente pelo sítio eletrônico: www.sbus.org.br (vide calendário, item 2), momento em que o candidato deve optar por uma das Habilitações. Não será possível optar por mais de uma prova de Habilitação.
    2. 1.2 – No ato da inscrição deverão ser anexados documentos originais digitalizados, sendo que a declaração deve ser em papel timbrado e assinaturas com firma reconhecida em cartório. Os documentos são os seguintes:
      • Cédula de identidade do Conselho Regional de Medicina do Estado em que atua ou carteira profissional de médico;
      • Declaração ou Certificado de Conclusão de:
        • Residência Médica ou Curso de Aperfeiçoamento em Radiologia e Diagnóstico por Imagem (com tempo igual ou superior a 3 anos) em Serviços credenciados pela Comissão Nacional de Residência Médica/MEC ou pelo Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem (CBR)OU
        • Curso de Aperfeiçoamento em Ultrassonografia Geral ou Ginecológica e Obstétrica (com tempo igual ou superior a 2 anos) em Serviço reconhecido pela SBUS e/ou CBR.OU
        • Declaração de Treinamento na área de Ultrassonografia Geral (com tempo igual ou superior a 2 anos) assinada por dois Membros Titulares da SBUS e/ou do CBR, ou seja, os membros que assinam devem ter obrigatoriamente o Título de Especialista. OU
        • Declaração de Treinamento (com tempo igual ou superior a 2 anos) na área de Ultrassonografia Ginecológica e Obstétrica assinada por dois Membros Titulares da SBUS e/ou do CBR, ou seja, os membros que assinam devem ter obrigatoriamente o Título de Especialista.
    3. 1.3 – No ato da inscrição o candidato deverá enviar uma foto com resolução mínima de 640×480, tamanho menor que 3 MB, fundo preferencialmente branco ou claro e atualizada, ou seja, no máximo de dois (2) anos atrás.
    4. 1.4 – O candidato deverá gerar boleto referente à taxa de inscrição no sitio eletrônico mantido pela SBUS na rede mundial de computadores e efetuar o pagamento.
    5. 1.5 – O valor da taxa de inscrição para associados adimplentes da SBUS será de R$ 1.000,00 e para não associados e/ou associados inadimplentes da SBUS, R$ 1.500,00. O sistema informatizado de banco de dados da SBUS identificará automaticamente a adimplência dos associados.
    6. 1.6 – O candidato poderá ser qualquer médico, ainda que não associado à SBUS.
    7. 1.7 – A inscrição será efetuada mediante a identificação do pagamento e o deferimento dos documentos do item 1.2.
    8. 1.8 – Serão indeferidas as inscrições que não estejam de acordo com os itens acima.
    9. 1.9 – Em caso de indeferimento da inscrição pela SBUS, o candidato será ressarcido em 50% do valor pago; não havendo a possibilidade de solicitar ou transferir o valor referente à inscrição por outras razões. O pedido de restituição deste valor teráprazo máximo de até 30 (trinta) dias após a divulgação do indeferimento.
    10. 1.10 – Após a inscrição o candidato não poderá alegar desconhecimento das regras constantes deste edital.
    11. 1.11 – A SBUS se reserva o direito de cancelar a inscrição do candidato que apresentar dados incorretos, inverídicos, omissos, mesmo que esta constatação ocorra posteriormente.
    12. 1.12 – A possibilidade de inscrição condicional sujeita a análise, por razões diversas, ficará à critério da Diretoria da SBUS.
    13. 1.13 – Os candidatos aprovados deverão enviar, via correspondência pelo correio, as cópias autenticadas originais dos mesmos documentos utilizados no ato da inscrição, à Sociedade Brasileira de Ultrassonografia, da seguinte forma:
    14. À Sociedade Brasileira de Ultrassonografia – SBUS
      A/C Comissão de Provas
      Habilitação em Ultrassonografia GINECOLÓGICA E OBSTÉTRICA
      Rua Teodoro Sampaio, 352 conjunto 53/54
      Pinheiros – São Paulo – SP
      CEP.: 05406-900
    15. 1.14 – Os documentos referidos no item 1.2 não serão devolvidos e não serão reutilizados para outros eventos futuros, pois permanecerão arquivados na SBUS.
    16. 1.15 – A necessidade de condições especiais para a realização da prova deverá ser declarada no momento da inscrição, explicitando tal necessidade somente via sítio eletrônico da SBUS.
    17. 1.16 – A candidata que necessitar amamentar no período destinado à prova deverá dispor de acompanhante para prestar todo tipo de cuidados a criança, devendo proceder com a amamentação sem se ausentar do recinto da prova e ao alcance das câmeras que estarão monitorando a candidata.. O acompanhante será responsável pelos cuidados com a criança e permanecerá em sala reservada e a candidata fará jus a compensação deste tempo de prova.
    18. 1.17 – Mediante a inscrição o candidato reconhece os termos, condições e normativas e aceita este Edital, bem como declara ciência de que a habilitação concedida pela SBUS não se trata de prova de título de especialista.

    2 – DO CALENDÁRIO:

    DATA ATIVIDADE HORÁRIO FORMA / LOCAL
    até 10/11/2021 Período de inscrição até às 23h59m Site SBUS
    até 22/11/2021 Divulgação de aptos até às 23h59m Site SBUS
    19/12/2021 Aplicação das provas 14h às 17h Online
    20/12/2021 Divulgação do gabarito até às 23h59m Site SBUS
    23/12/2021 Recursos 9h às 19h Plataforma online de provas
    20/01/2022 Divulgação do resultado dos recursos e gabarito final até às 23h59m Site SBUS
    21/01/2022 Relação de aprovados até às 23h59m Site SBUS
    22/01/2022 Declaração de aprovação até às 23h59m Site SBUS
    20/04/2022 Prazo para envio da documentação original (data da postagem) Correios à SBUS
    20/06/2022 Prazo para envio do Certificado pela SBUS (data da postagem) Correios ao candidato

    3 – DAS ORIENTAÇÕES GERAIS:

    1. 3.1 – A Diretoria da SBUS e suas associações federadas indicarão os responsáveis pela aplicação, fiscalização e supervisão da prova.
    2. 3.2 – A Comissão de Provas da SBUS será responsável pela elaboração das questões e conferência das respostas apresentadas pelos candidatos.
    3. 3.3 – A data e horário da execução da prova seguirá o calendário deste edital, impreterivelmente (item 2).
    4. 3.4 – As convocações obedecerão ao horário oficial de Brasília, Brasil.
    5. 3.5 – Os candidatos deverão portar, no dia da prova, Cédula Oficial de Identidade (com foto e validade).

    4 – DA PROVA:

    1. 4.1 – As Provas Teórica e Prática serão realizadas exclusivamente on-line, por meio de browser seguro, instalado no computador pessoal do candidato, em modo e momento oportunos. Para sua realização é necessário que o candidato possua computador desktop ou laptop com sistema operacional Windows 8.1 ou superior / MacOs Mojave 10.14.6 ou superior, com acesso à internet e dotado de webcam e microfone.
    2. 4.2 – A prova será realizada em única etapa e único dia, online, de forma virtual, monitorada por fiscal via vídeo em tempo real, dia 19 de Dezembro de 2021, das 14h às 17h, e consistirá de:
    3. 4.2.1 – Avaliação Teórica, constando de 40 (quarenta) questões objetivas de múltipla escolha, com cinco opções (A, B, C, D e E) e única resposta correta, de acordo com o comando da questão.
      4.2.2 – Avaliação Teórico-prática, constando de 20 (vinte) questões objetivas, com imagens, de múltipla escolha, com cinco opções (A, B, C, D e E) e única resposta correta, de acordo com o comando da questão. O candidato deve conferir seus dados pessoais registrados nos instrumentos de aplicação da Prova. Não conformidades devem ser imediatamente relatadas ao fiscal de sala.

    4. 4.3 – As avaliações destinadas à obtenção da Habilitação em Ultrassonografia Ginecológica e Obstétrica versarão sobre Ultrassonografia Ginecológica e Obstétrica, incluindo Doppler.
    5. 4.4 – Serão entregues ou enviados os cadernos de questões para o candidato através do e- mail referido na inscrição.
    6. 4.5 – A duração da prova será de 3 (três) horas.

    5 – DOS CRITÉRIOS DE APROVAÇÃO E CERTIFICAÇÃO:

    1. 5.1 – Para a realização da prova on-line será necessário que o candidato disponha de computador (desktop ou notebook), do qual seja administrador em função da necessidade de instalação de navegador seguro, com câmera e microfone em pleno funcionamento, que atenda aos seguintes requisitos mínimos:
    2. • Sistema Operacional: Windows 8.1 ou superior e MacOs Mojave 10.14.6 ou superior. (ATENÇÃO: Equipamentos com sistema operacional Linux ou Chromebook, por incompatibilidade técnica com o sistema, não serão permitidos.);
      • Processador Core i3 ou superior;
      • Memória RAM 4GB ou superior;
      • Câmera frontal de 0.9 Mega Pixel ou superior;
      • Microfone;
      • Amplificador ou caixa de som integrada ou externa;
      • Fonte de energia com capacidade para 5 horas de preferência conectado à rede elétrica;
      • Espaço de armazenamento mínimo em disco de 500MB;
      • Internet com Velocidade mínima de 10 (dez) Mbps (megabits por segundo), tanto para download quanto para upload, facultado ao candidato, se desejar, providenciar rede reserva de internet com as mesmas condições.

    3. 5.2 A prova deverá ser realizada em computador (IP) localizado em território nacional.
    4. 5.3 – Não será permitida a realização de prova em equipamentos móveis de qualquer tipo, como celulares, smartphones, tablets, e utilização de fone de ouvido, calculadora, protetores auriculares, relógio de pulso ou qualquer outro.
    5. 5.4 Não será permitida a utilização da câmera de aparelhos celulares, smartphones ou tablets como webcam.
    6. 5.5 A SBUS não se responsabiliza por quaisquer motivos de ordem técnica dos aparelhos eletrônicos, falhas de comunicação, congestionamento das linhas de comunicação, procedimento indevido do participante e / ou outros fatores que impossibilitem a transferência de dados, como quedas e instabilidade de conexão com internet.. É de responsabilidade exclusiva do participante garantir os requisitos técnicos e de internet durante a realização da prova.
    7. 5.6 – A prova on-line ocorrerá com monitoramento remoto, e cada candidato será acompanhado ao vivo pelo fiscal, por meio de vídeo (câmera) e áudio (microfone). A imagem do candidato, durante a prova on-line, será gravada em áudio e vídeo durante toda a prova, e será realizado o registro de todas as ações na plataforma, de sorte que o participante está ciente de que, a partir da efetivação da inscrição, considerar-se-á autorizada a captação de imagens do participante.
    8. 5.7 A câmera filmará o candidato durante toda a realização da prova e fará capturas de imagem para o banco de imagem de avaliação e reconhecimento facial.
    9. 5.8 O microfone fará gravação do áudio captado durante a realização da prova e será utilizado para o monitoramento e avaliação do candidato.
    10. 5.9 Durante o período de realização da prova on-line, o navegador utilizado também desabilitará a utilização de outras funções e softwares no computador do candidato, não permitindo a consulta à internet ou acesso a softwares ou aplicativos. Ao candidato fica proibido manter seu computador conectado a mais de um monitor, ou conectado a um projetor.
    11. 5.10 – A webcam do computador do candidato deve ser ajustada de forma que seu rosto esteja plenamente visível para o fiscal durante todo o teste, podendo o fiscal solicitar durante a realização do exame que o candidato ajuste o posicionamento da câmera. A câmera e o microfone devem estar descobertos e captando claramente imagem do candidato e som ambiente durante a realização da prova.
    12. 5.11 – Softwares como antivírus e firewall, que impeçam o acesso exclusivo do navegador seguro ao computador deverão ser desativados no período de realização da prova, a fim de evitar problemas de compatibilidade entre o navegador seguro e o software do equipamento do candidato.
    13. 5.12 – Todas as gravações realizadas durante o processo seletivo ficarão armazenadas pelo período de 4 (quatro) anos em servidor seguro externo, que já atende completamente as exigências legais da LGPD – Lei Geral de Proteção de Dados, preservando todos os dados de qualquer candidato. O uso desses arquivos é de uso exclusivo da SBUS, de sorte que o participante está ciente de que, a partir da efetivação da inscrição, considerar-se-á autorizada a manutenção dos dados do participante.
      5.12.1 – Ao autorizar a captura de sua imagem e áudio durante a realização da prova o candidato concorda que manterá a SBUS isenta de quaisquer reclamações judiciais ou extrajudiciais.
      5.12.2 – Essas imagens serão armazenadas em espaço virtual próprio e utilizadas pela equipe da SBUS para fins de reconhecimento facial no período de avaliação e para monitoramento dos candidatos durante a realização das provas, podendo ser utilizadas também para auditoria do certame, momento no qual, se constatada alguma das irregularidades descritas neste edital, o candidato será desclassificado.
    14. 5.13 – Caso ocorra uma falha de energia ou de conexão com a internet, a prova entrará em modo de gravação automática, sendo permitido ao candidato retomar sua prova, a partir da questão seguinte àquela em que parou quando houve a interrupção (sem acréscimo ao tempo total de prova). À questão em que não houver marcação de nenhuma alternativa será atribuída nota zero. Se for constatado que o candidato, deliberadamente, interrompeu a captura de áudio e/ou vídeo e/ou internet, a prova será finalizada automaticamente e o candidato eliminado.
    15. 5.14 – Durante a aplicação do Exame, a Comissão Organizadora da SBUS, com auxílio da equipe técnica responsável pela aplicação do Exame, terá a competência e discricionariedade para analisar situações excepcionais dos candidatos, como queda de energia, interrupção de equipamento ou outras situações de força maior para, se entender cabível autorizar a extensão, de forma razoável e proporcional, do tempo de realização de prova do candidato afetado.
    16. 5.15 – É responsabilidade do candidato providenciar as condições técnicas para a execução da prova, e será eliminado deste exame o candidato que descumprir as regras relacionadas às obrigatoriedades de uso de equipamento e ao uso de equipamento proibido

    6 – DA REALIZAÇÃO DO PRÉ-TESTE

    1. 6.1 – Até 23 de Novembro de 2021 os candidatos considerados habilitados receberão, no endereço eletrônico (e-mail) que cadastraram na ficha de inscrição, o manual do candidato com as instruções de instalação do dispositivo para realização da prova e senha de identificação.
    2. 6.2 – Os candidatos que não receberem confirmação da habilitação até a data disposta no item 6.1 deverão entrar em contato com a SBUS a partir do dia imediatamente seguinte e em até 48 (quarenta e oito) horas, pelos meios de contato disponíveis a fim de confirmar sua situação
    3. 6.3 – O candidato, pessoalmente, fica obrigado a participar de, ao menos, um pré-teste com o dispositivo de segurança previamente instalado, sob pena de não ser autorizada sua participação nas Provas.
    4. 6.4 – Ao candidato cabe a responsabilidade de instalação do dispositivo de segurança, participação nos pré-testes e o atendimento aos requisitos mínimos de software e hardware previstos em Edital, no dia da prova.
    5. 6.5 – O pré-teste é o momento em que o candidato irá se familiarizar com o ambiente do exame e interagir com o fiscal humano.
    6. 6.6 – Independentemente da participação satisfatória do candidato no pré-teste, esse deverá assegurar que, no dia do exame, seja garantida a infraestrutura tecnológica do equipamento e conexão de internet, obedecendo-se aos requisitos mínimos previstos do Edital, em especial o especificado no item 5.1.
    7. 6.7 – O dispositivo eletrônico utilizado e configurado, o ambiente e a infraestrutura para o pré- teste devem ser os mesmos que serão utilizados na prova, sob pena de exclusão do certame.
    8. 6.8 – As datas e horários dos pré-testes estarão disponíveis no manual do candidato e também serão divulgadas pela empresa Educat Tecnologia, no Instagram @educatbh, devendo o candidato se inscrever pelo link https://agendamento.educat.net.br/
    9. 6.9 – Os pré-testes ocorrerão apenas nos dias e horários pré-determinados no manual do candidato, até o dia 15 de dezembro de 2021.

    7 DA APLICAÇÃO DAS PROVAS

    • 7.1 – Os candidatos deverão se conectar à plataforma de provas on-line com antecedência de uma hora e trinta minutos do horário previsto para a aplicação da prova.
      7.1.1 É obrigatória a conexão com antecedência mínima de pelo menos uma hora e trinta minutos do horário previsto para o início das Provas, devendo o candidato manter a plataforma logada até o início da aplicação. Não é necessário que o candidato permaneça em frente à câmera durante esse período, mas é necessário que a plataforma permaneça logada. Os candidatos deverão estar posicionados em frente à câmera impreterivelmente até às 14 horas (Horário de Brasília), sendo desclassificado o candidato que se posicionar posteriormente.
    • 7.2 – O login de acesso à prova enviado ao candidato é intransferível e restrito ao candidato que a realizará, sendo vedada a utilização dos serviços em conta compartilhada.
    • 7.3 – A conexão simultânea de dois ou mais candidatos com o mesmo login sujeitará aos infratores o bloqueio dos acessos e impedimento de acesso à prova, com desclassificação dos candidatos.
    • 7.4 – Não é permitida a realização do Exame no mesmo endereço por mais de um candidato, portanto, é de responsabilidade do candidato a escolha de ambiente físico que propicie a sua participação sem interferência de terceiros e/ou outros candidatos inscritos no Exame. O sistema é programado para identificar qualquer tipo de fraude, que, se apurada e confirmada, ainda que posterior à finalização do Exame, levará à desclassificação dos candidatos envolvidos.
    • 7.5 – Considerando que durante a realização das provas é vedada a permanência de terceiros no mesmo local que o candidato, só será permitida a sua realização sem o uso de máscaras de proteção facial, de forma a possibilitar o reconhecimento facial.
    • 7.6 – A confirmação de presença será feita por meio do acesso à plataforma de provas on-line mediante verificação da identificação do candidato.
      7.6.1 – A identificação será atestada por qualquer dos seguintes documentos, com foto: carteira de identidade; carteira de trabalho; carteira profissional; passaporte; carteira de identificação funcional.
      7.6.2 – Não serão aceitos como documentos de identidade: Certidão de Nascimento, Título de Eleitor, modelo antigo da Carteira Nacional de Habilitação, Carteira de Estudante, Carteira de Trabalho e Previdência Social sem foto, Certificado de Dispensa do Serviço Militar, carteira funcional sem valor de identidade ou documentos ilegíveis, não identificáveis e/ou danificados e também não será aceita cópia de documento de identidade, ainda que autenticada.
    • 7.7 – Não haverá, sob pretexto algum, segunda chamada das provas acima descritas nem será justificada falta, sendo considerado eliminado do Exame, o candidato que faltar às provas, não cumprir os horários estabelecidos ou se ausentar sem autorização expressa.
    • 7.8 – Nenhum candidato fará a prova fora do dia e horário fixados.
    • 7.9 – Será eliminado deste Exame o candidato que se apresentar após o início das provas. Não será permitido ao candidato prestar provas fora da data ou do horário estabelecidos.
    • 7.10 – Não será admitido o ingresso de candidatos no ambiente de prova online após o horário fixado para seu início
    • 7.11 – Período de sigilo – O candidato deve permanecer no ambiente de realização das provas por 1 (uma) hora e 30 (trinta) minutos do início das provas, não podendo encerrar seu teste antes desse tempo, sendo obrigatória sua presença no local e a observancia irrestrita das normas deste edital.
      7.11.1 – Não poderá o candidato encerrar a sessão na plataforma de provas mesmo que tenha concluído o exame antes do tempo mínimo, não podendo se ausentar da visão da webcam antes do encerramento deste prazo de sigilo.
    • 7.12 – Após iniciado o Exame, o candidato somente poderá deixar o campo de visão da webcam de seu computador mediante autorização prévia do fiscal e após encerrar a questão em andamento.
    • 7.13 – O local / ambiente onde o candidato esteja acomodado para prestar o Exame deve ser como uma sala de provas durante todo o momento da duração do teste, não devendo ninguém falar com o candidato, nem dele estar próximo e / ou emitir ruídos.
    • 7.14 – Ao candidato é permitido tomar água e comer alimentos adequados a fim de evitar deslocamentos. Somente serão permitidos recipientes de armazenamento de comidas e bebidas fabricadas com material transparente e sem rótulos que impeçam a visualização de seu conteúdo.
    • 7.15 – Em caso de necessidades fisiológicas / biológicas, o candidato deverá solicitar ao aplicador de provas, por meio da plataforma, que sua prova seja interrompida, devendo deixar o ambiente monitorado apenas quando autorizado pelo fiscal e quando encerrar a questão em análise.
    • 7.16 – O intervalo entre as interrupções para necessidades fisiológicas / biológicas deverá obedecer às regras estabelecidas no começo do exame. O tempo total de prova não será alterado, ou seja, o tempo utilizado para as necessidades fisiológicas / biológicas não será reposto.
    • 7.17 – Caso algum comportamento considerado suspeito ou irregular seja identificado pelo fiscal caberá ao mesmo alertar, pausar e finalizar a prova do candidato. Essas eventuais intervenções contemplam o tempo total de prova.
    • 7.18 – Durante o período de realização da prova, somente será permitida a comunicação escrita entre o candidato e o fiscal por meio do chat disponível na plataforma. Qualquer outro tipo de comunicação será considerado transgressão às normas do edital, sendo o candidato desligado do concurso. Os casos excepcionais e suas autorizações constam do conteúdo deste edital, assim como não será permitido o uso de livros, códigos, manuais, impressos, ou quaisquer outros meios, sendo vetada a continuidade da prestação das provas em caso de descumprimento.
    • 7.19 – Durante o período de realização das provas, não será permitido o uso de óculos escuros, boné, máscaras faciais, chapéu, gorro, lenço ou similares.
    • 7.20 – Quando, após as provas, for constatado, por meio eletrônico, estatístico, visual ou grafológico ou por investigação policial, ter o candidato utilizado meios ilícitos, sua prova será anulada e ele será automaticamente eliminado deste Exame.
    • 7.21 – Todo e qualquer acontecimento ocorrido durante a realização da prova será registrado pelo fiscal na ata da sala.
    • 7.22 – As decisões sobre eventual eliminação da prova, em razão de conduta do candidato em desacordo com o edital, poderão ser adotadas no curso da realização da prova, ou posteriormente, a partir do exame das gravações.

    8 DA PROVA

    • 8.1 – Todas as questões serão exibidas de forma aleatória aos candidatos, não havendo sequenciamento de temáticas.
    • 8.2 – Não será possível que o candidato opte pela ordem das questões, devendo seguir a predefinição do sistema.
    • 8.3 – Não é possível o retorno a questões anteriores.
    • 8.4 – Não será possível que o candidato transite livremente pelas questões da prova, ou seja, não será possível deixar uma questão em branco e depois retornar para respondê-la.
    • 8.5 – Cada questão deve ser respondida e salva para acesso à próxima questão da prova.
    • 8.6 – O tempo total de prova será indicado em cronômetro localizado no ambiente de realização. Caso alguma questão não seja respondida dentro do prazo estabelicido, será a ela atribuída nota zero e a prova encerrada automaticamente.
    • 8.7 – A questão que for “salva” pelo candidato será considerada concluída.
    • 8.8 – As questões não respondidas pelos candidatos receberão nota zero.
    • 8.9 – Em hipótese alguma haverá possibilidade de revisão da resposta salva por erro do candidato.
    • 8.10 – O candidato é responsável pela conferência de seus dados pessoais registrados nos instrumentos de aplicação da Prova, em especial seu nome e a prova a que será submetido.
    • 8.11 – As respostas às questões serão apresentadas de forma digital pelo sistema da prova, não sendo utilizados meios físicos para a apresentação de resultados às questões constantes da prova.

    9 DOS CRITÉRIOS DE ELIMINAÇÃO

    • 9.1 – O candidato que desrespeitar qualquer item desse edital terá as suas provas anuladas e será eliminado do Exame. Também será eliminado se:
      i. Apresentar-se após o início das provas;
      ii. Fizer uso ou portar, mesmo que desligados, qualquer outro dispositivo eletrônico além do computador em que se está prestando o teste; quais sejam: telefone, telefone celular, fone de ouvido, relógios digitais, pagers, beep, agenda eletrônica, calculadora, walkman, notebook, palmtop, gravador, transmissor / receptor de mensagens de qualquer tipo ou qualquer outro equipamento eletrônico;
      iii. Realizar a prova em espaço físico compartilhado com outro candidato;
      iv. Deixar de atender às normas contidas na Prova e às demais orientações expedidas pela SBUS;
      v. Ausentar-se do ambiente de provas sem autorização do fiscal, ou antes, de decorrido o período fixado para a sua saída;
      vi. Se for constatado que o candidato, deliberadamente, interrompeu a captura de áudio e/ou vídeo e/ou internet;
      vii. Durante o período das provas, for surpreendido em comunicação com outro candidato ou terceiros, verbalmente, por escrito, ou por qualquer outra forma;
      viii. Lançar mão de meios ilícitos para executar as provas;
      ix. Desrespeitar qualquer membro da equipe de aplicação da prova, as autoridades presentes e/ou os candidatos, ou perturbar, de qualquer modo, a ordem dos trabalhos;
      x. Fizer anotação de informações relativas às perguntas e respostas em quaisquer outros meios, que não os permitidos;
      xi. For constatado após as provas, por meio eletrônico, estatístico, visual ou grafológico, ter o candidato utilizado de processos ilícitos na realização das mesmas.
    • 9.2 – Todo e qualquer acontecimento ocorrido durante a realização da prova será registrado pelo fiscal na ata da sala. Caso o candidato tenha a prova suspensa por qualquer ato considerado suspeito ou irregular, estará automanticamente eliminado.

    10 DOS CRITÉRIOS DE APROVAÇÃO E CERTIFICAÇÃO

    • 10.1 – Mínimo de 60% de respostas corretas em cada uma das avaliações (itens 4.1.1 e 4.1.2) separadamente, ou seja, 24 questões corretas na avaliação teórica e 12 questões corretas na avaliação teórico-prática.
    • 10.2 – A anulação de questões resultará em integração de pontuação referentes a estas questões à nota final da avaliação.
    • 10.3 – A lista dos aprovados será divulgada, através do sitio eletrônico da SBUS, seguindo o cronograma do item 2 deste edital.
    • 10.4 – O candidato aprovado deverá enviar via correspondência (correios) à sede da SBUS cópia autenticada em cartório de toda a documentação, conforme expresso no item 1.2.
    • 10.5 – A SBUS disponibilizará, através de seu sítio eletrônico, a declaração de aprovação constando Habilitação em Ultrassonografia Ginecológica e Obstétrica, seguindo o cronograma do item 2 deste edital. Não serão disponibilizadas declarações antes do prazo (vide cronograma).
    • 10.6 – A Habilitação em Ultrassonografia Ginecológica e Obstétrica será concedida pela Sociedade Brasileira de Ultrassonografia – SBUS e reconhecida pela Federação Internacional de Ultrassonografia da América Latina – FISUSAL, assinada pelo Presidente e Secretário da SBUS.
    • 10.7 – Esta certificação é válida em território brasileiro e em territórios estrangeiros a depender da legislação do país em questão. A SBUS e a FISUSAL não se comprometem com a validação desta certificação em outros países.
    • 10.8 – Os candidatos não aprovados poderão prestar prova em próximas edições. Não serão aproveitados, em futuras edições, documentos e notas.

    11 DO RECURSO

    • 11.1 – O recurso cabível, com relação ao gabarito, deverá ser encaminhado, seguindo o cronograma do item 2 deste edital, única e exclusivamente pela plataforma online de provas, dirigido à Comissão de Provas da SBUS, acompanhado de todos os documentos e fundamentações que o candidato considere úteis à apreciação do recurso, que será decidido pela Comissão supracitada.
    • 11.2 – O candidato deverá selecionar a questão referente ao recurso, fundamentar no espaço pré-determinado pelo sistema e em seguida salvar.
    • 11.3 – Recurso interposto fora das condições acima estipuladas não será conhecido e estará automaticamente indeferido.
    • 11.4 – O recurso deve ser feito necessariamente por meio do formulário eletrônico. Cada recurso contemplará uma única questão da prova. Deve incluir as justificativas e, necessariamente, basear-se na bibliografia constante no edital.
    • 11.5 – O resultado será divulgado no sítio eletrônico da SBUS, seguindo o cronograma do item 2 deste edital.
    • 11.6 – As justificativas deverão basear-se em no mínimo 02 (duas) referências da bibliografia recomendada (vide item 8), posto que a resposta correta será fundamentada unicamente no material bibliográfico recomendado.
    • 11.7 – Questões anuladas atribuirão pontos a todos os candidatos que realizaram a prova.

    12 DAS DISPOSIÇÕES FINAIS

    • 12.1 – O candidato será eliminado caso seja constatado dados inverídicos, ausência ou irregularidade de documentação, mesmo que posteriormente à prova.
    • 12.2 – A SBUS não se responsabilizará por prejuízos e danos morais ou materiais consequentes de eliminações previstas no item 7.1.
    • 12.3 – Prejuízos decorrentes de endereço não atualizado ou de difícil acesso, correspondência recebida por terceiros, endereço eletrônico bloqueado por firewalls ou Anti-spam, não serão assumidos pela SBUS, ficando em plena responsabilidade dos candidatos.
    • 12.4 – Os candidatos serão responsáveis pelas despesas relacionadas à participação neste certame.
    • 12.5 – A SBUS publicará em seu sítio eletrônico eventuais alterações deste Edital até a data da prova, sendo que o candidato é responsável por acompanhar tais comunicados e cumprir as aludidas alterações.
    • 12.6 – A SBUS se reserva o direito de transmitir informações a respeito do exame através de seu sítio eletrônico (www.sbus.org.br ).
    • 12.7 – Os casos omissos neste edital serão decididos pela Diretoria da SBUS juntamente com a Comissão de Provas da SBUS.
    • 12.8 – O contato para eventuais dúvidas pode ser realizado pelo E-mail: provasadm@sbus.org.br .
    • 12.9 – Todas as lides eventualmente surgidas e que versarem sobre o presente edital e respectivo certame serão apreciadas e julgadas no Foro Central da Comarca de São Paulo, Capital do Estado de São Paulo, Brasil.

    13 BIBLIOGRAFIA RECOMENDADA, mas não exauriente

    • AMARAL, Waldemar N.; BORGES, Walter P.; CHA, Sang C. Tratado de Ultrassonografia I:Ginecologia e Obstetrícia. 2a. ed. SBUS, 2013.
      AMARAL, Waldemar N.; CHA, Sang C. Tratado de Ultrassonografia IV: Anomalias Fetais. 1a.ed. SBUS, 2010.
      BONILLA-MUSOLES, Fernando et al. Ultrassonografia Transvaginal: 2D, Doppler e 3D. 1a. ed.Panamericana, 2003.
      CALLEN, Peter W. et al. Ultrassonografia em Obstetrícias e Ginecologia. 5a
      . ed. Elsevier, 2009.
      MAUAD FILHO, Francisco; FERREIRA, Adilson C.; AMARAL, Waldemar N. Ultrassonografia em Ginecologia e Obstetrícia: Guia Prático. 1a. ed. Revinter, 2010.
      PASTORE, Ayrton; CERRI, Giovanni G. Ultrassonografia em Ginecologia e Obstetrícia. 2a. ed.Revinter, 2010.

    São Paulo, 27 de Setembro de 2021.
    Dr. Rui Gilberto Ferreira
    Presidente da SBUS

    EDITAL DE CONVOCAÇÃO 2021 – HABILITAÇÃO EM ULTRASSONOGRAFIA GERAL

    A Sociedade Brasileira de Ultrassonografia – SBUS – comunica os médicos interessados que realizará no dia 19 de Dezembro de 2021 a prova destinada à obtenção de Habilitação em Ultrassonografia Geral reconhecida pela Federação Internacional de Ultrassonografia da América Latina – FISUSAL, devendo, para tanto, observar fielmente as seguintes normativas:

    1 – DA INSCRIÇÃO:

    1. 1.1 – A inscrição deverá ser realizada exclusivamente pelo sítio eletrônico: www.sbus.org.br (vide calendário, item 2), momento em que o candidato deve optar por uma das Habilitações. Não será possível optar por mais de uma prova de Habilitação.
    2. 1.2 -No ato da inscrição deverão ser anexados documentos originais digitalizados, sendo que a declaração deve ser em papel timbrado e assinaturas com firma reconhecida em cartório. Os documentos são os seguintes:
      • Cédula de identidade do Conselho Regional de Medicina do Estado em que atua ou carteira profissional de médico;
      • Declaração ou Certificado de Conclusão de:
        • Residência Médica ou Curso de Aperfeiçoamento em Radiologia e Diagnóstico por Imagem (com tempo igual ou superior a 3 anos) em Serviços credenciados pela Comissão Nacional de Residência Médica/MEC ou pelo Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem (CBR) OU
        • Curso de Aperfeiçoamento em Ultrassonografia Geral (com tempo igual ou superior a 2 anos) em Serviço reconhecido pela SBUS e/ou CBR OU
        • Declaração de Treinamento na área de Ultrassonografia Geral (com tempo igual ou superior a 2 anos) assinada por dois Membros Titulares da SBUS e/ou do CBR, ou seja,os membros que assinam devem ter obrigatoriamente o Título de Especialista.
    3. 1.3 – No ato da inscrição o candidato deverá enviar uma foto com resolução mínima de 640×480, tamanho menor que 3 MB, fundo preferencialmente branco ou claro e atualizada, ou seja, no máximo de dois (2) anos atrás.
    4. 1.4 – O candidato deverá gerar boleto referente à taxa de inscrição no sitio eletrônico mantido pela SBUS na rede mundial de computadores e efetuar o pagamento.
    5. 1.5 – O valor da taxa de inscrição para associados adimplentes da SBUS será de R$ 1.000,00 e para não associados e/ou associados inadimplentes da SBUS, R$ 1.500,00. O sistema informatizado de banco de dados da SBUS identificará automaticamente a adimplência dos associados.
    6. 1.6 – O candidato será qualquer médico, ainda que não associado à SBUS.
    7. 1.7 – A inscrição será efetuada mediante a identificação do pagamento e o deferimento dos documentos do item 1.2.
    8. 1.8 – Serão indeferidas asinscrições que não estejam de acordo com os itens acima.
    9. 1.9 – Em caso de indeferimento da inscrição pela SBUS, o candidato será ressarcido em 50% do valor pago; não havendo a possibilidade de solicitar ou transferir o valor referente à inscrição por outras razões. O pedido de restituição deste valor terá prazo máximo de até 30 (trinta) dias após a divulgação do indeferimento.
    10. 1.10 – Após a inscrição o candidato não poderá alegar
      desconhecimento das regras constantes deste edital.
    11. 1.11 – A SBUS se reserva o direito de cancelar a inscrição do candidato que apresentar dados incorretos, inverídicos, omissos, mesmo que esta constatação ocorra posteriormente.
    12. 1.12 – A possibilidade de inscrição condicional sujeita a análise, por razões diversas, ficará à critério da Diretoria da SBUS.
    13. 1.13 – Os candidatos aprovados deverão enviar, via correspondência pelo correio, as cópias autenticadas originais dos mesmos documentos utilizados no ato da inscrição, à Sociedade Brasileira de Ultrassonografia, da seguinte forma:
    14. À Sociedade Brasileira de Ultrassonografia – SBUS
      A/C Comissão de Provas
      Habilitação em Ultrassonografia Geral
      Rua Teodoro Sampaio, 352 conjunto 53/54
      Pinheiros – São Paulo – SP
      CEP.: 05406-900
    15. 1.14 – Os documentos referidos no item 1.2 não serão devolvidos e não serão reutilizados para outros eventos futuros, pois permanecerão arquivados na SBUS.
    16. 1.15 – A necessidade de condições especiais para a realização da prova deverá ser declarada no momento da inscrição, explicitando tal necessidade somente via sítio eletrônico da SBUS.
    17. 1.16 – A candidata que necessitar amamentar no período destinado à prova deverá dispor de acompanhante para prestar todo tipo de cuidados a criança. O acompanhante será responsável pelos cuidados com a criança e permanecerá em sala reservada e a candidata fará jus a compensação deste tempo de prova.
    18. 1.17 – Mediante a inscrição o candidato reconhece os termos, condições e normativas e aceita este Edital, bem como declara ciência de que a habilitação concedida pela SBUS não se trata de prova de título de especialista.

    2 – DO CALENDÁRIO:

    DATA ATIVIDADE HORÁRIO FORMA / LOCAL
    até 10/11/2021 Período de inscrição até às 23h59m Site SBUS
    até 22/11/2021 Divulgação de aptos até às 23h59m Site SBUS
    19/12/2021 Aplicação das provas 14h às 17h Online
    20/12/2021 Divulgação do gabarito até às 23h59m Site SBUS
    23/12/2021 Recursos 9h às 19h Plataforma online de provas
    20/01/2022 Divulgação do resultado dos recursos e gabarito final até às 23h59m Site SBUS
    21/01/2022 Relação de aprovados até às 23h59m Site SBUS
    22/01/2022 Declaração de aprovação até às 23h59m Site SBUS
    20/04/2022 Prazo para envio da documentação original (data da postagem) Correios à SBUS
    20/06/2022 Prazo para envio do Certificado pela SBUS (data da postagem) Correios ao candidato

    3 – DAS ORIENTAÇÕES GERAIS:

    1. 3.1 – A Diretoria da SBUS e de suas associações federadas indicarão os responsáveis pela aplicação, fiscalização e supervisão da prova.
    2. 3.2 – A Comissão de Provas da SBUS será responsável pela elaboração das questões e conferência das respostas apresentadas pelos candidatos.
    3. 3.3 – A data e horário da execução da prova seguirá o calendário deste edital, impreterivelmente (item 2)
    4. 3.4 – As convocações obedecerão ao horário oficial de Brasília, Brasil.
    5. 3.5 – Os candidatos deverão portar, no dia da prova, Cédula Oficial de Identidade (com foto e validade).

    4 – DA PROVA:

    1. 4.1 – As Provas Teórica e Prática serão realizadas exclusivamente on-line, por meio de browser seguro, instalado no computador pessoal do candidato, em modo e momento oportunos. Para sua realização é necessário que o candidato possua computador desktop ou laptop com sistema operacional Windows 8.1 ou superior / MacOs Mojave 10.14.6 ou superior, com acesso à internet e dotado de webcam e microfone.
    2. 4.2 – A prova será realizada em única etapa e único dia, online, de forma virtual, monitorada por fiscal via vídeo em tempo real, dia 19 de Dezembro de 2021, das 14h às 17h, e consistirá de:
    3. 4.2.1 – Avaliação Teórica, constando de 40 (quarenta) questões objetivas de múltipla escolha, com cinco opções (A, B, C, D e E) e única resposta correta, de acordo com o comando da questão.
    4. 4.2.2 – Avaliação Teórico-prática, constando de 20 (vinte) questões objetivas, com imagens, de múltipla escolha, com cinco opções (A, B, C, D e E) e única resposta correta, de acordo com o comando da questão. O candidato deve conferir seus dados pessoais registrados nos instrumentos de aplicação da Prova. Não conformidades devem ser imediatamente relatadas ao fiscal de sala.
    5. 4.3 – As avaliações destinadas à obtenção da Habilitação em Ultrassonografia Geral versarão sobre Ultrassonografia Geral, incluindo Doppler.
    6. 4.4 – Serão entregues ou enviados os cadernos de questões para o candidato através do e- mail referido na inscrição.
    7. 4.5 – A duração da prova será de 3 (três) horas.

    5 – DOS CRITÉRIOS DE APROVAÇÃO E CERTIFICAÇÃO:

    1. 5.1 Para a realização da prova on-line será necessário que o candidato disponha de computador (desktop ou notebook), do qual seja administrador em função da necessidade de instalação de navegador seguro, com câmera e microfone em pleno funcionamento, que atenda aos seguintes requisitos mínimos:
    2. • Sistema Operacional: Windows 8.1 ou superior e MacOs Mojave 10.14.6 ou superior. (ATENÇÃO: Equipamentos com sistema operacional Linux ou Chromebook, por incompatibilidade técnica com o sistema, não serão permitidos.);
      • Processador Core i3 ou superior;
      • Memória RAM 4GB ou superior;
      • Câmera frontal de 0.9 Mega Pixel ou superior;
      • Microfone;
      • Amplificador ou caixa de som integrada ou externa;
      • Fonte de energia com capacidade para 5 horas de preferência conectado à rede elétrica;
      • Espaço de armazenamento mínimo em disco de 500MB;
      • Internet com Velocidade mínima de 10 (dez) Mbps (megabits por segundo), facultado ao candidato, se desejar, providenciar rede reserva de internet com as mesmas condições.
    3. 5.2 – A prova deverá ser realizada em computador (IP) localizado em território nacional.
    4. 5.3 – Não será permitida a realização de prova em equipamentos móveis de qualquer tipo, como celulares, smartphones, tablets, e utilização de fone de ouvido, calculadora, protetores auriculares, relógio de pulso ou qualquer outro.
    5. 5.4 – Não será permitida a utilização da câmera de aparelhos celulares, smartphones ou tablets como webcam.
    6. 5.5 – A SBUS não se responsabiliza por quaisquer motivos de ordem técnica dos aparelhos eletrônicos, falhas de comunicação, congestionamento das linhas de comunicação, procedimento indevido do participante e / ou outros fatores que impossibilitem a transferência de dados, como quedas e instabilidade de conexão com internet. É de responsabilidade exclusiva do participante garantir os requisitos técnicos e de internet durante a realização da prova.
    7. 5.6 – A prova on-line ocorrerá com monitoramento remoto, e cada candidato será acompanhado ao vivo pelo fiscal, por meio de vídeo (câmera) e áudio (microfone). A imagem do candidato, durante a prova on-line, será gravada em áudio e vídeo durante toda a prova, e será realizado o registro de todas as ações na plataforma, de sorte que o participante está ciente de que, a partir da efetivação da inscrição, considerar-se-á autorizada a captação de imagens do participante.
    8. 5.7 – A câmera filmará o candidato durante toda a realização da prova e fará capturas de imagem para o banco de imagem de avaliação e reconhecimento facial.
    9. 5.8 – O microfone fará gravação do áudio captado durante a realização da prova e será utilizado para o monitoramento e avaliação do candidato.
    10. 5.9 – Durante o período de realização da prova on-line, o navegador utilizado também desabilitará a utilização de outras funções e softwares no computador do candidato, não permitindo a consulta à internet ou acesso a softwares ou aplicativos. Ao candidato fica proibido manter seu computador conectado a mais de um monitor, ou conectado a um projetor.
    11. 5.10 – A webcam do computador do candidato deve ser ajustada de forma que seu rosto esteja plenamente visível para o fiscal durante todo o teste, podendo o fiscal solicitar durante a realização do exame que o candidato ajuste o posicionamento da câmera. A câmera e o microfone devem estar descobertos e captando claramente imagem do candidato e som ambiente durante a realização da prova.
    12. 5.11 – Softwares como antivírus e firewall, que impeçam o acesso exclusivo do navegador seguro ao computador deverão ser desativados no período de realização da prova, a fim de evitar problemas de compatibilidade entre o navegador seguro e o software do equipamento do candidato.
    13. 5.12 – Todas as gravações realizadas durante o processo seletivo ficarão armazenadas pelo período de 4 (quatro) anos em servidor seguro externo, que já atende completamente as exigências legais da LGPD – Lei Geral de Proteção de Dados, preservando todos os dados de qualquer candidato. O uso desses arquivos é de uso exclusivo da SBUS, de sorte que o participante está ciente de que, a partir da efetivação da inscrição, considerar-se-á autorizada a manutenção dos dados do participante.
    14. 5.12.1 – Ao autorizar a captura de sua imagem e áudio durante a realização da prova o candidato concorda que manterá a SBUS isenta de quaisquer reclamações judiciais ou extrajudiciais.
      5.12.2 – Essas imagens serão armazenadas em espaço virtual próprio e utilizadas pela equipe da SBUS para fins de reconhecimento facial no período de avaliação e para monitoramento dos candidatos durante a realização das provas, podendo ser utilizadas também para auditoria do certame, momento no qual, se constatada alguma das irregularidades descritas neste edital, o candidato será desclassificado.
    15. 5.13 – Caso ocorra uma falha de energia ou de conexão com a internet, a prova entrará em modo de gravação automática, sendo permitido ao candidato retomar sua prova, a partir da questão seguinte àquela em que parou quando houve a interrupção (sem acréscimo ao tempo total de prova). À questão em que não houver marcação de nenhuma alternativa será atribuída nota zero. Se for constatado que o candidato, deliberadamente, interrompeu a captura de áudio e/ou vídeo e/ou internet, a prova será finalizada automaticamente e o candidato eliminado.
    16. 5.14 – Durante a aplicação do Exame, a Comissão Organizadora da SBUS, com auxílio da equipe técnica responsável pela aplicação do Exame, terá a competência e discricionariedade para analisar situações excepcionais dos candidatos, como queda de energia, interrupção de equipamento ou outras situações de força maior para, se entender cabível autorizar a extensão, de forma razoável e proporcional, do tempo de realização de prova do candidato afetado.
    17. 5.15 – É responsabilidade do candidato providenciar as condições técnicas para a execução da prova, e será eliminado deste exame o candidato que descumprir as regras relacionadas às obrigatoriedades de uso de equipamento e ao uso de equipamento proibido

    6 – DA REALIZAÇÃO DO PRÉ-TESTE

    1. 6.1 – Até 23 de Novembro de 2021 os candidatos considerados habilitados receberão, no endereço eletrônico (e-mail) que cadastraram na ficha de inscrição, o manual do candidato com as instruções de instalação do dispositivo para realização da prova e senha de identificação.
    2. 6.2 – Os candidatos que não receberem confirmação da habilitação até a data disposta no item 6.1 deverão entrar em contato com a SBUS a partir do dia imediatamente seguinte e em até 48 (quarenta e oito) horas, pelos meios de contato disponíveis a fim de confirmar sua situação.
    3. 6.3 – O candidato, pessoalmente, fica obrigado a participar de, ao menos, um pré-teste com o dispositivo de segurança previamente instalado, sob pena de não ser autorizada sua participação nas Provas.
    4. 6.4 – Ao candidato cabe a responsabilidade de instalação do dispositivo de segurança, participação nos pré-testes e o atendimento aos requisitos mínimos de software e hardware previstos em Edital, no dia da prova.
    5. 6.5 – O pré-teste é o momento em que o candidato irá se familiarizar com o ambiente do exame e interagir com o fiscal humano.
    6. 6.6 – Independentemente da participação satisfatória do candidato no pré-teste, esse deverá assegurar que, no dia do exame, seja garantida a infraestrutura tecnológica do equipamento e conexão de internet, obedecendo-se aos requisitos mínimos previstos do Edital, em especial o especificado no item 5.1.
    7. 6.7 – O dispositivo eletrônico utilizado e configurado, o ambiente e a infraestrutura para o pré- teste devem ser os mesmos que serão utilizados na prova, sob pena de exclusão do certame.
    8. 6.8 – As datas e horários dos pré-testes estarão disponíveis no manual do candidato e também serão divulgadas pela empresa Educat Tecnologia, no Instagram @educatbh, devendo o candidato se inscrever pelo link https://agendamento.educat.net.br/
    9. 6.9 – Os pré-testes ocorrerão apenas nos dias e horários pré-determinados no manual do candidato, até o dia 15 de dezembro de 2021.

    7 DA APLICAÇÃO DAS PROVAS

    1. 7.1 Os candidatos deverão se conectar à plataforma de provas on-line com antecedência de uma hora e trinta minutos do horário previsto para a aplicação da prova.
    2. 7.1.1 É obrigatória a conexão com antecedência mínima de pelo menos uma hora e trinta minutos do horário previsto para o início das Provas, devendo o candidato manter a plataforma logada até o início da aplicação. Não é necessário que o candidato permaneça em frente à câmera durante esse período, mas é necessário que a plataforma permaneça logada. Os candidatos deverão estar posicionados em frente à câmera impreterivelmente até às 14 horas (Horário de Brasília), sendo desclassificado o candidato que se posicionar posteriormente.
    3. 7.2 – O login de acesso à prova enviado ao candidato é intransferível e restrito ao candidato que a realizará, sendo vedada a utilização dos serviços em conta compartilhada.
    4. 7.3 – A conexão simultânea de dois ou mais candidatos com o mesmo login sujeitará aos infratores o bloqueio dos acessos e impedimento de acesso à prova, com desclassificação dos candidatos.
    5. 7.4 – Não é permitida a realização do Exame no mesmo endereço por mais de um candidato, portanto, é de responsabilidade do candidato a escolha de ambiente físico que propicie a sua participação sem interferência de terceiros e/ou outros candidatos inscritos no Exame. O sistema é programado para identificar qualquer tipo de fraude, que, se apurada e confirmada, ainda que posterior à finalização do Exame, levará à desclassificação dos candidatos envolvidos.
    6. 7.5 – Considerando que durante a realização das provas é vedada a permanência de terceiros no mesmo local que o candidato, só será permitida a sua realização sem o uso de máscaras de proteção facial, de forma a possibilitar o reconhecimento facial.
    7. 7.6 – A confirmação de presença será feita por meio do acesso à plataforma de provas on-line mediante verificação da identificação do candidato.
      7.6.1 – A identificação será atestada por qualquer dos seguintes documentos, com foto: carteira de identidade; carteira de trabalho; carteira profissional; passaporte; carteira de identificação funcional.
      7.6.2 – Não serão aceitos como documentos de identidade: Certidão de Nascimento, Título de Eleitor, modelo antigo da Carteira Nacional de Habilitação, Carteira de Estudante, Carteira de Trabalho e Previdência Social sem foto, Certificado de Dispensa do Serviço Militar, carteira funcional sem valor de identidade ou documentos ilegíveis, não identificáveis e/ou danificados e também não será aceita cópia de documento de identidade, ainda que autenticada.
    8. 7.7 – Não haverá, sob pretexto algum, segunda chamada das provas acima descritas nem será justificada falta, sendo considerado eliminado do Exame, o candidato que faltar às provas, não cumprir os horários estabelecidos ou se ausentar sem autorização expressa.
    9. 7.8 – Nenhum candidato fará a prova fora do dia e horário fixados.
    10. 7.9 – Será eliminado deste Exame o candidato que se apresentar após o início das provas. Não será permitido ao candidato prestar provas fora da data ou do horário estabelecidos.
    11. 7.10 – Não será admitido o ingresso de candidatos no ambiente de prova online após o horário fixado para seu início.
    12. 7.11 – Período de sigilo – O candidato deve permanecer no ambiente de realização das provas por 1 (uma) hora e 30 (trinta) minutos do início das provas, não podendo encerrar seu teste antes desse tempo, sendo obrigatória sua presença no local e a observância irrestrita das normas deste edital.
      7.11.1 – Não poderá o candidato encerrar a sessão na plataforma de provas mesmo que tenha concluído o exame antes do tempo mínimo, não podendo se ausentar da visão da webcam antes do encerramento deste prazo de sigilo.
    13. 7.12 – Após iniciado o Exame, o candidato somente poderá deixar o campo de visão da webcam de seu computador mediante autorização prévia do fiscal e após encerrar a questão em andamento.
    14. 7.13 – O local / ambiente onde o candidato esteja acomodado para prestar o Exame deve ser como uma sala de provas durante todo o momento da duração do teste, não devendo ninguém falar com o candidato, nem dele estar próximo e / ou emitir ruídos.
    15. 7.14 – Ao candidato é permitido tomar água e comer alimentos adequados a fim de evitar deslocamentos. Somente serão permitidos recipientes de armazenamento de comidas e bebidas fabricadas com material transparente e sem rótulos que impeçam a visualização de seu conteúdo.
    16. 7.15 – Em caso de necessidades fisiológicas / biológicas, o candidato deverá solicitar ao aplicador de provas, por meio da plataforma, que sua prova seja interrompida, devendo deixar o ambiente monitorado apenas quando autorizado pelo fiscal e quando encerrar a questão em análise.
    17. 7.16 – O intervalo entre as interrupções para necessidades fisiológicas / biológicas deverá obedecer às regras estabelecidas no começo do exame. O tempo total de prova não será alterado, ou seja, o tempo utilizado para as necessidades fisiológicas / biológicas não será reposto.
    18. 7.17 – Caso algum comportamento considerado suspeito ou irregular seja identificado pelo fiscal caberá ao mesmo alertar, pausar e finalizar a prova do candidato. Essas eventuais intervenções contemplam o tempo total de prova.
    19. 7.18 – Durante o período de realização da prova, somente será permitida a comunicação escrita entre o candidato e o fiscal por meio do chat disponível na plataforma. Qualquer outro tipo de comunicação será considerado transgressão às normas do edital, sendo o candidato desligado do concurso. Os casos excepcionais e suas autorizações constam do conteúdo deste edital, assim como não será permitido o uso de livros, códigos, manuais, impressos, ou quaisquer outros meios, sendo vetada a continuidade da prestação das provas em caso de descumprimento.
    20. 7.19 – Durante o período de realização das provas, não será permitido o uso de óculos escuros, boné, máscaras faciais, chapéu, gorro, lenço ou similares.
    21. 7.20 – Quando, após as provas, for constatado, por meio eletrônico, estatístico, visual ou grafológico ou por investigação policial, ter o candidato utilizado meios ilícitos, sua prova será anulada e ele será automaticamente eliminado deste Exame.
    22. 7.21 – Todo e qualquer acontecimento ocorrido durante a realização da prova será registrado pelo fiscal na ata da sala.+
    23. 7.22 – As decisões sobre eventual eliminação da prova, em razão de conduta do candidato em desacordo com o edital, poderão ser adotadas no curso da realização da prova, ou posteriormente, a partir do exame das gravações.

    8 DA PROVA

  • 8.1 Todas as questões serão exibidas de forma aleatória aos candidatos, não havendo sequenciamento de temáticas.
  • 8.2 Não será possível que o candidato opte pela ordem das questões, devendo seguir a predefinição do sistema.
  • 8.3 Não é possível o retorno a questões anteriores.
  • 8.4 Não será possível que o candidato transite livremente pelas questões da prova, ou seja, não será possível deixar uma questão em branco e depois retornar para respondê-la.
  • 8.5 Cada questão deve ser respondida e salva para acesso à próxima questão da prova.
  • 8.6 O tempo total de prova será indicado em cronômetro localizado no ambiente de realização. Caso alguma questão não seja respondida dentro do prazo estabelecido, será a ela atribuída nota zero e a prova encerrada automaticamente.
  • 8.7 A questão que for “salva” pelo candidato será considerada concluída.
  • 8.8 As questões não respondidas pelos candidatos receberão nota zero.
  • 8.9 Em hipótese alguma haverá possibilidade de revisão da resposta salva por erro do candidato.
  • 8.10 O candidato é responsável pela conferência de seus dados pessoais registrados nos instrumentos de aplicação da Prova, em especial seu nome e a prova a que será submetido.
  • 8.11 As respostas às questões serão apresentadas de forma digital pelo sistema da prova, não sendo utilizados meios físicos para a apresentação de resultados às questões constantes da prova.
  • 9 DOS CRITÉRIOS DE ELIMINAÇÃO

  • 9.1 – O candidato que desrespeitar qualquer item desse edital terá as suas provas anuladas e será eliminado do Exame. Também será eliminado se:
    i. Apresentar-se após o início das provas;
    ii. Fizer uso ou portar, mesmo que desligados, qualquer outro dispositivo eletrônico além do computador em que se está prestando o teste; quais sejam: telefone, telefone celular, fone de ouvido, relógios digitais, pagers, beep, agenda eletrônica, calculadora, walkman, notebook, palmtop, gravador, transmissor / receptor de mensagens de qualquer tipo ou qualquer outro equipamento eletrônico;
    iii. Realizar a prova em espaço físico compartilhado com outro candidato;
    iv. Deixar de atender às normas contidas na Prova e às demais orientações expedidas pela SBUS;
    v. Ausentar-se do ambiente de provas sem autorização do fiscal, ou antes, de decorrido o período fixado para a sua saída;
    vi. Se for constatado que o candidato, deliberadamente, interrompeu a captura de áudio e/ou vídeo e/ou internet;
    vii. Durante o período das provas, for surpreendido em comunicação com outro candidato ou terceiros, verbalmente, por escrito, ou por qualquer outra forma;
    viii. Lançar mão de meios ilícitos para executar as provas;
    ix. Desrespeitar qualquer membro da equipe de aplicação da prova, as autoridades presentes e/ou os candidatos, ou perturbar, de qualquer modo, a ordem dos trabalhos;
    x. Fizer anotação de informações relativas às perguntas e respostas em quaisquer outros meios, que não os permitidos;
    xi. For constatado após as provas, por meio eletrônico, estatístico, visual ou grafológico, ter o candidato utilizado de processos ilícitos na realização das mesmas.
  • 9.2 Todo e qualquer acontecimento ocorrido durante a realização da prova será registrado pelo fiscal na ata da sala. Caso o candidato tenha a prova suspensa por qualquer ato considerado suspeito ou irregular, estará automanticamente eliminado.
  • 10 DOS CRITÉRIOS DE APROVAÇÃO E CERTIFICAÇÃO

  • 10.1 Mínimo de 60% de respostas corretas em cada uma das avaliações (itens 4.1.1 e 4.1.2) separadamente, ou seja, 24 questões corretas na avaliação teórica e 12 questões corretas na avaliação teórico-prática.
  • 10.2 A anulação de questões resultará em integração de pontuação referentes a estas questões à nota final da avaliação.
  • 10.3 A lista dos aprovados será divulgada, através do sitio eletrônico da SBUS, seguindo o cronograma do item 2 deste edital.
  • 10.4 O candidato aprovado deverá enviar via correspondência (correios) à sede da SBUS cópia autenticada em cartório de toda a documentação, conforme expressono item 1.2.
  • 10.5 A SBUS disponibilizará, através de seu sítio eletrônico, a declaração de aprovação constando Habilitação em Ultrassonografia Geral, seguindo o cronograma do item 2 deste edital. Não serão disponibilizadas declarações antes do prazo (vide cronograma).
  • 10.6 A Habilitação em Ultrassonografia Geral será concedida pela Sociedade Brasileira de Ultrassonografia – SBUS e reconhecida pela Federação Internacional de Ultrassonografia da América Latina – FISUSAL, assinada pelo Presidente e Secretário da SBUS.
  • 10.7 Esta certificação é válida em território brasileiro e em territórios estrangeiros a depender da legislação do país em questão. A SBUS e a FISUSAL não se comprometem com a validação desta certificação em outros países.
  • 10.8 Os candidatos não aprovados poderão prestar prova em próximas edições. Não serão aproveitados, em futuras edições, documentos e notas.
  • 11 DO RECURSO

  • 11.1 – O recurso cabível, com relação ao gabarito, deverá ser encaminhado, seguindo o cronograma do item 2 deste edital, única e exclusivamente pela plataforma online de provas, dirigido à Comissão de Provas da SBUS, acompanhado de todos os documentos e fundamentações que o candidato considere úteis à apreciação do recurso, que será decidido pela Comissão supracitada..
  • 11.2 – O candidato deverá selecionar a questão referente ao recurso, fundamentar no espaço pré-determinado pelo sistema e em seguida salvar.
  • 11.3 – Recurso interposto fora das condições acima estipuladas não será conhecido e estará automaticamente indeferido.
  • 11.4 – O recurso deve ser feito necessariamente por meio do formulário eletrônico. Cada recurso contemplará uma única questão da prova. Deve incluir as justificativas e, necessariamente, basear-se na bibliografia constante no edital.
  • 11.5 – O resultado será divulgado no sítio eletrônico da SBUS, seguindo o cronograma do item 2 deste edital.
  • 11.6 – As justificativas deverão basear-se em no mínimo 02 (duas) referências da bibliografia recomendada (vide item 8), posto que a resposta correta será fundamentada unicamente no material bibliográfico recomendado.
  • 11.7 – Questões anuladas atribuirão pontos a todos os candidatos que realizaram a prova.
  • 12 DAS DISPOSIÇÕES FINAIS

  • 12.1 – O candidato será eliminado caso seja constatado dados inverídicos, ausência ou irregularidade de documentação, mesmo que posteriormente à prova.
  • 12.2 – A SBUS não se responsabilizará por prejuízos e danos morais ou materiais consequentes de eliminações previstas no item 7.1.
  • 12.3 – Prejuízos decorrentes de endereço não atualizado ou de difícil acesso, correspondência recebida por terceiros, endereço eletrônico bloqueado por firewalls ou Anti-spam, não serão assumidos pela SBUS, ficando em plena responsabilidade dos candidatos.
  • 12.4 – Os candidatos serão responsáveis pelas despesas relacionadas à participação neste certame.
  • 12.5 – A SBUS publicará em seu sítio eletrônico eventuais alterações deste Edital até a data da prova, sendo que o candidato é responsável por acompanhar tais comunicados e cumprir as aludidas alterações.
  • 12.6 – A SBUS se reserva o direito de transmitir informações a respeito do exame através de seu sítio eletrônico (www.sbus.org.br).
  • 12.7 – Os casos omissos neste edital serão decididos pela Diretoria da SBUS juntamente com a Comissão de Provas da SBUS.
  • 12.8 – O contato para eventuais dúvidas pode ser realizado pelo E-mail: provasadm@sbus.org.br .
  • 12.9 – Todas as lides eventualmente surgidas e que versarem sobre o presente edital e respectivo certame serão apreciadas e julgadas no Foro Central da Comarca de São Paulo, Capital do Estado de São Paulo, Brasil.
  • 13 BIBLIOGRAFIA RECOMENDADA, mas não exauriente

    • AMARAL, Waldemar N.; BORGES, Walter P.; CHA, Sang C. Tratado de Ultrassonografia I:Ginecologia e Obstetrícia. 2a. ed. SBUS, 2013.
      AMARAL, Waldemar N.; CHA, Sang C. Tratado de Ultrassonografia IV: Anomalias Fetais. 1a. ed.SBUS, 2010.
      American College of Radiology. ACR BI-RADS Atlas. 5a ed. Reston: American College of Radiology AREND, C. F. MASTER Ultrassonografia musculoesquelética. 2ª ed. Revinter, 2012.
      BONILLA-MUSOLES, Fernando et al. Ultrassonografia Transvaginal: 2D, Doppler e 3D. 1a. ed.Panamericana, 2003.
      BRITO, CarlosJ. et al. Cirurgia Vascular: Cirurgia Endovascular e Angiologia. 3a. ed. Revinter, 2014.
      CALLEN, Peter W. et al. Ultrassonografia em Obstetrícias e Ginecologia. 5a. ed. Elsevier, 2009.
      CERRI, Giovanni G. et al. Tratado de Radiologia. 1a. ed. Manole, 2017.
      CERRI, Luciana. M. O. et al. Ultrassonografia da Próstata. 1a. ed. Sarvier, 1996. CHAMMAS, Maria
      Cristina; CERRI, Giovanni G. Ultrassonografia Abdominal. 2a. ed. Revinter, 2009.
      COSTA, Antonio G.; AMARAL, Waldemar N. Tratado de Ultrassonografia VI:
      Pequenas Partes e Angiologia. 1a. ed. SBUS, 2016.
      D’IPPOLITO, Giuseppe; CALDANA, Rogério P. Gastrointestinal: Série CBR. 1ª ed.Elsevier, 2011.
      ENGELHORN, Ana L. et al. Guia Prático de Ultrassonografia Vascular. 3a. ed. DiLivros, 2016.
      GARCIA, Rosemeire F.; AMARAL, Waldemar N. Tratado de Ultrassonografia III:
      Pediatria e Estruturas Superficiais. 1a. ed. SBUS, 2008.
    • HAGGEN-ANSERT, Sandra L. Tratado de Ultrassonografia Diagnóstica (Textbook of Diagnostic Sonography). 8a. ed. Elsevier, 2017.
      KIRKS, Donald R.; GRISCON, N. Throne. Diagnóstico por Imagem em Pediatria e Neonatologia. 3a.ed. Revinter, 2003.
      MACHADO, Maria Virginia; AMARAL, Waldemar N. O Coração Fetal para o Ultrassonografista. 1a.ed. SBUS, 2016.
      MAFFEI, Francisco H.A. et al. Doenças Vasculares Periféricas. 5a. ed. Guanabara Koogan, 2015.
      MAUAD FILHO, Francisco; FERREIRA, Adilson C.; AMARAL, Waldemar N. Ultrassonografia em Ginecologia e Obstetrícia: Guia Prático. 1a. ed. Revinter, 2010.
      MOLNAR, Lászlo; CERRI, Giovanni G. Ultrassonografia Vascular. 1a. ed. Revinter, 2004.
      PASTORE, Ayrton; CERRI, Giovanni G. Ultrassonografia em Ginecologia e Obstetrícia.2a. ed.Revinter, 2010.
      PELLERITO, John S.; POLAK Joseph F. Introdução à Ultrassonografia Vascular.6a. ed. Elsevier, 2014.
      PETTERSEN, Heverton et al. Doppler em Medicina. 1a. ed. SBUS, 2012.
      PRANDO, Adilson; MOREIRA, Fernando A. Fundamentos de Radiologia e Diagnóstico por Imagem.2a. ed. Elsevier, 2015.
      PRANDO, Adilson; PRANDO, Décio; CASERTA, Nelson M. G. Urologia: Diagnóstico por Imagem. 1a.ed. Sarvier, 1997.
      ROCHA, Domingos C.; BAUAB, Selma P. Atlas de Imagem da Mama. 2a. ed. Revinter, 2004.
      RUMACK, Carol M. et al. Tratado de Ultrassonografia Diagnóstica. 4a. ed. Elsevier, 2012.
      SAITO, Mauricio; CARDOSO, Roberto; CHA, Sang C. Tratado de Ultrassonografia V: Medicina Fetal
      – Atualidades e Perspectivas. 1a
      . ed. SBUS, 2015.
      SAITO, Osmar C.; CERRI, Giovanni G. Ultrassonografia de Pequenas Partes. 2a
      . ed. Revinter, 2013.
      SERNIK, Renato A.; CERRI, Giovanni G. Ultrassonografia do Sistema Musculoesquelético:Correlação com Ressonância Magnética. 1a. ed. Revinter, 2009.
    • SIEGEL, Marilyn J. Pediatric Sonography. 4a. ed. Lippincott Williams & Wilkins, 2011
    • VENTURA, Carlos e CERRI, Giovanni G. Ultrassonografia Vascular: Correlação com
      Angiotomografia. 1a. ed. Revinter, 2012.

    São Paulo, 27 de Setembro de 2021.
    Dr. Rui Gilberto Ferreira
    Presidente da SBUS

    Inscreva-se

    Inscrições encerradas
    Abrir Whatsapp
    Olá, em que posso te ajudar?

    Para melhorar sua experiência de navegação, utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes. Ao continuar, você concorda com a nossa política de privacidade.